Terapia linfática descongestiva

A drenagem linfática manual tem como objetivo criar diferenciais de pressão para promover o deslocamento da linfa e do fluido intersticial, até à sua recolocação na corrente sanguínea, reabsorvendo os edemas e tratando diferentes patologias.​​ Desta forma a drenagem linfática manual é uma ferramenta clínica de extrema importância para o fisioterapeuta, independentemente da área em que atue. Tem aplicações ao nível da oncologia, saúde da mulher, músculo-esquelética e dermato-funcional.
 
A atuação do fisioterapeuta centra-se na avaliação do tipo de edema e na aplicação de diferentes técnicas manuais, de ligadura multicamada, pressoterapia e aconselhamento ao utente. A sua intervenção deverá assentar num raciocínio clínico sólido que lhe permita a maximização de resultados terapêuticos.